Congresso Brasileiro do Sono

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Tabaco, saúde cardiovascular, marcadores inflamatórios e sono em trabalhadores

Introdução

O tabagismo é a principal causa de doenças, incapacidades e mortes evitáveis no mundo. Existem evidências de que o tabagismo é fator de risco para as doenças cardiovasculares, níveis elevados de marcadores inflamatórios e alterações do sono.

Objetivo

Avaliar o tabagismo segundo a saúde cardiovascular ideal, níveis de marcadores inflamatórios séricos e sono em trabalhadores de uma universidade pública do estado de São Paulo.

Métodos

Trata-se de um estudo epidemiológico, de base populacional e de corte transversal, a ser realizado em uma universidade pública do estado de São Paulo. Serão incluídos 553 trabalhadores ativos, com idade entre 20 e 59 anos. Os instrumentos utilizados serão: questionário de caracterização sociodemográfica, clínica e carga tabágica, Teste de Fagerström para Dependência de Nicotina (FNTD), Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh (PSQI-BR), Questionário de Berlin (QB-BR), Índice de Gravidade de Insônia e avaliação dos marcadores inflamatórios (interleucinas 6 e 10, fator de necrose tumoral-α e proteína C-reativa). A saúde cardiovascular ideal será avaliada pelo escore proposto pela American Heart Association, a partir de fatores comportamentais (tabagismo, índice de massa corporal, atividade física e dieta) e biológicos (diagnóstico de dislipidemia, diabetes e hipertensão arterial) aferidos. Os dados serão coletados no REDCap e então transferidos para o software SPSS (versão 23.0) e SAS (versão 9.4), para a realização de análises descritivas com confecção de tabelas de frequências, medidas de posição e dispersão. Serão calculadas estimativas de prevalência e intervalos de confiança de 95% e testes para verificar associação e correlação entre variáveis, bem como para comparação entre estas, de acordo com a natureza da distribuição dos dados. Serão realizados modelos de regressão de Poisson simples e múltipla para a obtenção de estimativas de razões de prevalência com IC95%. Será considerado o nível de significância de 5%.

Resultados

“Sem resultados”.

Conclusões

Espera-se que os fumantes com a saúde cardiovascular inadequada apresentem sono de má qualidade, duração reduzida, fragmentação, bem como distúrbios associados.

Palavras-chave

Fumantes; Sono; Saúde Cardiovascular.

Área

Projetos

Instituições

Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas - São Paulo - Brasil

Autores

Mayza Luzia Santos Neves, Carla Renata Silva Andrechuk , Cristina Kano Inazumi, Cleber Souza Oliveira, Natalia Amorim Ramos Felix, Carola Rosas, Marilia Estevam Cornélio, Thaís Moreira São João, Maria Filomena Ceolim, Roberta Cunha Matheus Rodrigues